INSCRIÇÕES ABERTAS!

blog

SEMINÁRIO SOBRE JUSTIÇA AMBIENTAL REUNIU PROFESSORES E CONVIDADOS

Evento foi promovido pelo programa de Pós-Graduação Stricto Sensu.

O Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Direito promoveu no dia 26 de abril o Seminário Justiça Ambiental”. O evento foi realizado no auditório da Pós-graduação e contou  com as presenças dos professores Silvana Sá de Carvalho, Nelson Pelegrino, Ekedi Sinha, Kenneth Williams, Fábio Roque, Isaura Genoveva, Gabriel Antônio, Camile Gama, Rodolfo Specht, Baónandje Silva, Silvia e Ferreira, Caroline Argôlo, Cibele Rocha e  Pe Lázaro Muniz. Em pauta, os meandros da complexa legislação ambiental brasileira.

Para saber mais: Justiça e Legislação Ambiental no Brasil

A justiça e a legislação ambiental no Brasil são temas de grande importância para a proteção e preservação do meio ambiente. Nos últimos anos, houve uma crescente conscientização sobre a necessidade de se adotar práticas sustentáveis e de se proteger os recursos naturais, o que levou a um aumento na criação de leis ambientais mais rigorosas.

A legislação ambiental no Brasil é abrangente e complexa, abrangendo desde questões relacionadas à preservação da biodiversidade e dos ecossistemas, até a regulamentação do uso e manejo dos recursos naturais. Além disso, há também leis que estabelecem regras para o controle da poluição e para a gestão dos resíduos sólidos e líquidos.

A Constituição Federal de 1988 estabeleceu importantes princípios para a proteção do meio ambiente no Brasil, como o princípio da precaução, que determina que, na ausência de certeza científica absoluta, é necessário tomar medidas preventivas para evitar danos ambientais. Outro princípio importante é o da responsabilidade ambiental, que estabelece que aqueles que causam danos ao meio ambiente devem ser responsabilizados e obrigados a repará-los.

Além da Constituição Federal, existem várias leis ambientais em vigor no Brasil, como a Lei de Crimes Ambientais (Lei nº 9.605/98), que estabelece punições para aqueles que causam danos ao meio ambiente, e a Política Nacional do Meio Ambiente (Lei nº 6.938/81), que define as diretrizes para a gestão ambiental no país.

A aplicação das leis ambientais no Brasil, no entanto, ainda enfrenta alguns desafios. Um dos principais problemas é a falta de recursos financeiros e humanos para fiscalização e monitoramento das atividades econômicas que podem causar danos ao meio ambiente. Além disso, a burocracia e a morosidade do sistema judiciário muitas vezes impedem a punição efetiva dos infratores.

Apesar desses desafios, a justiça e a legislação ambiental no Brasil têm avançado nos últimos anos, com a criação de novas leis e ações mais rigorosas por parte das autoridades competentes. A conscientização da sociedade em geral também é um fator importante para a preservação do meio ambiente, já que ações individuais podem contribuir para a proteção dos recursos naturais e para a criação de um mundo mais sustentável.

Accessibility