INSCRIÇÕES ABERTAS!

blog

Docente da UCSAL concorre na 20ª edição do Prêmio INNOVARE, na categoria Advocacia

O projeto “Catadoras de Luxo: heroínas (in)visíveis”, idealizado pela docente da especialização em Direito Digital e Inovação da UCSAL, profa. Laíze Lantyer Luz, está concorrendo à 20ª edição do Prêmio INNOVARE, na categoria Advocacia.

A partir de uma proposta interdisciplinar, o projeto utiliza a exposição fotográfica e o documentário para sensibilizar e promover a educação ambiental da sociedade baiana.

“O projeto envolve aspectos socioambientais pautados nas Ciências Sociais e Humanidades, com foco na educação, cidadania, direitos humanos e questões econômicas e do meio ambiente. O objetivo do projeto é fazer com que as imagens e vozes desses agentes ambientais possam servir de alerta e sensibilizar e educar a população”, explica a professora Laíze, que também integra da Comissão de Meio Ambiente da OAB-BA.

“Catadoras de Luxo” é desenvolvido em parceria com diversas instituições do sistema de Justiça, em especial a OAB da Bahia.

Sobre o Prêmio

A premiação reconhece e prestigia trabalhos que incentivam o acesso da população à justiça.

É uma ação do Instituto Innovare, em parceria com o Ministério da Justiça e Segurança Pública, a Advocacia Geral da União e diversas outras entidades.

Anualmente, são premiadas iniciativas e práticas do Poder Judiciário, do Ministério Público, Defensoria Pública e de advogados que estejam contribuindo para a modernização, democratização do acesso, efetividade e racionalização do sistema judicial brasileiro.

Na foto, profa. Laíze recebe o advogado e consultor do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Bruno Magalhães, em visita para conhecer o projeto.

 

 

 

Texto – Bruno Corrêa

 

Accessibility