INSCRIÇÕES ABERTAS!

blog

Curso de Psicologia promove II Mostra de Psicoterapia e Sociedade

A Universidade Católica do Salvador foi palco, na última semana, da II Mostra Psicoterapia e Sociedade. Organizado pelos alunos do 7º período de Psicologia da instituição, o evento convocou a comunidade acadêmica e toda sociedade para acompanhar evidências e nuances da atuação profissional em Psicologia nos dias de hoje. A Mostra contou com a presença de convidados especialistas da área psicoterapêutica e um historiador.

O projeto teve início no semestre passado, e chegou em sua segunda edição com para divulgar as características da atuação em psicoterapia para a comunidade acadêmica e a comunidade externa interessada. Os convidados abordaram a psicologia clínica no atendimento à mulheres, o manejo de casos de violência sexual, a dependência química e também reflexões sobre a saúde mental em nossa sociedade com a temática “Pessoas doentes ou sociedade adoeçedora? Reflexões sobre a patologização da vida”.

Sob a orientação dos professores João Marcos de Oliveira e Fernanda de Castro Correia, os estudantes que cursam a disciplina Tópicos Avançados em Técnicas e Intervenções Psicoterápicas I, atuaram na seleção de temas e convidados, na organização dos objetivos de cada atividade e subtópicos que gostariam que fossem abordados. Eles trabalharam ainda na divulgação do evento em redes sociais e organização do evento como controle de tempo, mediação de mesas redondas e apresentação de questionamentos relevantes aos assuntos.

Para o professor João Marcos, membro do Núcleo Docente Estruturante do curso de Psicologia e coordenador do Comitê de Ética em Pesquisa da Católica, eventos dessa natureza são fundamentais na “promoção de um espaço de compartilhamento e análise crítica para estudantes da disciplina, comunidade acadêmica e comunidade externa quanto às características de uma atuação ética em psicoterapia”.

O docente também destacou a função social dos profissionais da Psicologia em suas atuações clínicas e as diferenças dessa atuação em diversos nichos da sociedade. “Em geral, temos procurado sempre reconhecer as particularidades de diferentes grupos sociais e de condições de saúde variadas”, enfatizou.

A estudante e organizadora da Mostra, Rhana Luísa, também evidenciou a relevância do evento tanto para a comunidade acadêmica quanto para a sociedade em geral. “Ter um evento aberto, falando de Psicologia e Psicoterapia, é uma forma de mostrar para a população o que é isso tudo que estudamos, que existem várias abordagens e psicólogos, e também que nós, enquanto profissionais, temos que estar em contato com contextos sociais importantes e que impactam o nosso trabalho na clínica e nas diversas áreas de atuação da Psicologia”, explicou. Ela também chamou a atenção para a importância da Mostra ter sido aberta e gratuita. “Isso pra mim é essencial na ciência”.

Texto: Bruno César Oliveira

Accessibility